PROGRAMA MAIS ALFABETIZAÇÃO

Programa Mais Alfabetização

O Programa Mais Alfabetização instituído pelo Ministério da Educação tem como objetivo fortalecer e apoiar as Unidades Escolares no processo de alfabetização, para fins de leitura, escrita e matemática dos alunos dos 1º e 2º anos do Ensino Fundamental.

O Programa será executado em período de seis meses no exercício de 2018 e em período de oito meses nos exercícios subsequentes;

As atividades desempenhadas pelo Assistente de Alfabetização, serão consideradas de natureza voluntária, na forma definida na Lei nº 9.608, de 18 de fevereiro de 1998, sendo obrigatória a celebração do Termo de Adesão e Compromisso do Voluntário. O limite máximo é de 8 (oito) turmas por professor, devendo trabalhar 5h semanais em cada turma.

O ressarcimento de despesas com transporte e alimentação dos assistentes de Alfabetização efetuado pela UEx ao assistente de alfabetização será mediante apresentação de relatório e recibo mensal de atividade desenvolvidas por voluntário, o qual deverá ser mantido em arquivo pela UEx pelo prazo e para os fins previstos nas normas vigentes do PDDE.

seleção de professores para atuarem como Assistente de Alfabetização, junto ao Professor Alfabetizador, deverá ser realizada em consonância com as normas e critérios definidos pela Secretaria de Educação do Estado de São Paulo. Essa seleção será feita na própria unidade escolar pelo diretor de escola, atendendo ao seguinte perfil:

• Professor de Educação Básica I, que atue na própria escola ou outra, independente da categoria em que se enquadra;

• Professor Alfabetizador aposentado;

• Estudante do último ano dos cursos de Pedagogia ou Letras;

 

Escolas Participantes:

EE Alvino Bittencourt, Prof.

EE André Ohl

EE André Xavier Gallicho, Profº

EE Antônio de Queiróz Telles, Dr.

EE Beatriz do R. Astorino, Profª

EE Benedito Estavan dos Santos

EE Blanca Zwicker Simões, Profª

EE Carlos Escobar

EE Caixas, Duque

EE Cesar Marengo

EE Domingos Faustino Sarmiento

EE Eduardo Carlos Pereira

EE Eduardo Gomes, Brigadeiro

EE Erasmo Braga

EE Florinda Cardoso

EE Gastão Strang

EE Guerino Raso

EE Guilherme Giorgi, Comendador

EE Irene Ribeiro, Profª

EE Jaime Cortesão

EE João Clímaco da Silva Kruse, Prof.

EE Joaquim Gouvei F. Jr. Deputado

EE Julieta Nogueira Rinaldi, Profª

EE Prof. Luiza Mendes C. Souza

EE Julio Maia

EE Nagib Izar

EE Paulo Monte Serrat*

EE Secundino Dominguez Filho, Dr.

EE Theodoro de Moraes, Prof.

*A unidade escolar não optou pela presença do assistente alfabetizador.

Cursinho Pré-Vestibular LC 2018

Projeto Libras na Ciência tem parceria com a Secretaria de Estado da Educação, com a Habits (Habitat de Inovação Tecnológica e Social / Incubadora-Escola) – sediada no campus Leste da USP – e outros apoiadores.

Criador do Projeto Libras na Ciência, o professor e escritor Rafael Dias Silva é graduado em Ciências da Natureza pela Universidade de São Paulo (USP). Formou-se em Libras, pela Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos FENEIS, conta com o título de Pesquisador e Especialista em Educação de Surdos, leciona na USP LESTE dentro do programa Habitat de Inovação Tecnológica e Social – HABITS e atualmente é mestrando em Educação voltada para a formação de professores na área de educação inclusiva na França além de parcerias com Universidades na Espanha e Tóquio.

Paralelamente desenvolve estratégias educacionais e materiais bilíngues (LIBRAS/PORTUGUÊS) para alunos surdos, voltadas para as propostas curriculares para o ensino Fundamental e Médio; além de oferecer formação continuada para professores da rede pública e privada.

As aulas serão ministradas gratuitamente as terças das 19 às 22h e aos sábados das 9 às 15h20, na EE Profª Benedita Ribas F. da Silveira, Rua José Tavares Siqueira, 198 – TATUAPÉ – próximo Metrô Carrão.

Período de inscrições será de 26/03/18 a 26/04/18. O curso inicia em 08/05/18 e termina em 15/12/18

Publicação do jornal o Estado de São Paulo, em 27/03/2018 às 12:50 – Clique aqui

Formulário de Inscrição – Clique aqui

Assista ao vídeo:

 

OLIMPÍADAS – PALESTRAS – CURSOS E EVENTOS

Palestra “O estudo de raios-X na escola” – Projeto Física para Todos – Publicado em 05/04/2018

07/04 No dia 7 de abril (sábado), das 10h30 às 12h00, o Prof. Dr. Fernando Garcia, do Instituto de Física da Universidade de São Paulo (IFUSP), participará da palestra “Xperimentando com o invisível: o estudo de raios-X na escola”, no âmbito do Projeto Física para Todos. Confira o resumo da palestra: Se você não é um estudante ou um profissional de áreas científicas, como a Física, Química ou Biologia, é bastante difícil convencê-lo de que a ciência dos raios-X é regida pelas mesmas leis e modelos que estão por trás da formação de um arco-íris ou do padrão de cores na superfície de uma bolha de sabão. O raio-X, afinal, é invisível. Porém, tanto a luz quanto os raios-X são radiações eletromagnéticas e, portanto, sujeitas às mesmas leis.

Como introduzir e trabalhar essa ideia com estudantes de Ensino Médio? No instituto de Física da USP, desenvolvemos o Projeto Xperiência, visamos apresentar a ciência de raios-X como um campo interdisciplinar, dando ao estudante a oportunidade de colocar a “mão na massa”. Afinal, se você não pode ver os raios, que ao menos você possa colocar suas mãos em algum instrumento que os “enxerga”. As inscrições podem ser realizadas no site https://portal.if.usp.br/extensao/ptbr/node/348.

Notificamos que a participação é por adesão e de responsabilidade dos interessados. O evento será gratuito e ocorrerá no Auditório da Biblioteca Mário de Andrade, Rua da Consolação, 94, Centro, São Paulo-SP. Em caso de dúvidas sobre o evento, entre em contato com a Comissão de Cultura e Extensão (CCEx) do Instituto de Física da Universidade de São Paulo (IFUSP), pelo e-mail cce

 

Inscrições para a 29ª edição do Prêmio Jovem Cientista – Publicado em 05/04/2018

Até 31/07.O Prêmio Jovem Cientista tem o objetivo de impulsionar a pesquisa científica no país e investir em estudantes e jovens pesquisadores que procuram soluções inovadoras para desafios da sociedade. A 29ª edição do prêmio terá como tema: “Inovações para Conservação da Natureza e Transformação Social”. O trabalho de pesquisa deve ser original (com no mínimo 3 páginas e no máximo 10 páginas, em tamanho A4, fonte Arial, corpo 12 e espaçamento 1,5), contendo: • Nome do aluno, título do trabalho de pesquisa, nome do orientador e nome da escola (endereço, telefone, e-mail); • Apresentação (problema, justificativa e objetivos), desenvolvimento (metodologia e análise) e conclusão (resultados da pesquisa). As inscrições se encerram no dia 31 de julho, às 18h (horário de Brasília). Podem concorrer alunos regularmente matriculados em escolas públicas ou privadas de Ensino Médio e Profissional e Tecnológico e que tenham menos de 25 anos de idade em 31 de dezembro de 2018. As inscrições podem ser feitas por meio do site: http://www.jovemcientista.cnpq.br/

 

Inscrições no curso Internet das Coisas – CODE IoT – Publicado em 05/04/2018

O Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico (LSI TEC-POLI/USP), em conjunto com a Samsung Eletrônica, está promovendo o curso Internet das Coisas, no âmbito do Projeto CODE IoT. A formação será presencial e gratuita, na cidade de São Paulo, com duração de um dia (data a escolher), entre os meses de abril e outubro. Os interessados podem se inscrever pelo endereço: http://codeiot.febrace.org.br/. Para apoiar o evento, solicitamos a colaboração na divulgação, incentivo e apoio à participação das escolas, que deverá ser por adesão. Salientamos que as despesas com transporte e demais gastos ficam a cargo dos interessados.

 

Inscrições para os Projetos Alicerce e Bolsa Talento, do ISMART – Publicado em 05/04/2018

Até 11/06. O ISMART – Instituto Social para Motivar, Apoiar e Reconhecer Talentos- é uma instituição de direito privado, sem fins lucrativos, cujo principal objetivo é a oferta de bolsas de estudos em escolas da rede privada para os alunos de alto potencial cognitivo oriundos de camadas socioeconômicas menos favorecidas, mediante a implementação dos Projetos “Bolsa Talento” e “Alicerce”. O Projeto Alicerce tem como público-alvo alunos matriculados no 7º ano do Ensino Fundamental, que receberão uma bolsa integral para um curso preparatório de 2 anos (no contraturno do ensino regular), a fim de cursar o Ensino Médio em colégios privados. No Bolsa Talento, o público-alvo são os alunos do 9º ano do EF, que cursarão o Ensino Médio integralmente em colégios particulares. O Instituto oferece bolsa de estudo integral, material didático, auxílio para transporte, lanche e o pagamento da taxa de inscrição no vestibular aos alunos selecionados, conforme previsto no Acordo de Cooperação celebrado com a SEE-SP em 07/03/2017. As inscrições podem ser realizadas pelo site http://www.ismart.org.br/processoseletivo/ até 11/06. A primeira fase compreende a realização de cadastro e teste online, com questões de Língua Portuguesa e Matemática.

 



 

Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica – Publicado em 27/02/2018

O principal objetivo da aplicação da OBA – Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica como também a  MOBFOG – Mostra Brasileira de Foguetes  é a motivação para aproximar os alunos do conhecimento científico,  articulando os conceitos a temas tecnológicos, científicos, sociais, ambientais e econômicos, contextualizando  esses conceitos para transformar as informações em conhecimento  a fim de atingir as competências e habilidades.

Site Oficial: http://www.oba.org.br

V Conferência Nacional Infanto-juvenil pelo Meio Ambiente (CNIJMA)

 

 

As escolas estão convidadas a participarem da V Conferência Nacional Infantojuvenil pelo Meio Ambiente (CNIJMA), cujo tema “Vamos Cuidar do Brasil Cuidando das Águas”.

A Conferência na Escola envolve toda a comunidade escolar, de todos os turnos sem restrição de faixa etária e série. É o momento em que estudantes, professores e demais interessados reúnem-se para dialogar sobre como transformar sua escola em um espaço educador sustentável, constituindo-se, assim, em um lócus privilegiado para aprofundar o debate sobre o tema da Conferência em nível local.

Cada escola construirá ou fortalecerá a Comissão de Meio Ambiente e Qualidade de Vida na Escola – COM-VIDA que deverá organizar a conferência envolvendo a comunidade com o Tema Vamos Cuidar do Brasil Cuidando das Águas. A escola deverá elaborar um projeto de ação, de acordo com os conhecimentos adquiridos no cotidiano escolar e nos materiais pesquisados, a ser colocado em prática após o evento; divulgar o projeto; eleger um delegado ou delegada (e suplente) que deverão estar cursando os anos finais do ensino fundamental até o período da Conferência Estadual e ter entre 11 e 14 anos no período da etapa nacional da V CNIJMA; e compartilhar o resultado do trabalho coletivo com outras escolas e com a comunidade.

Para entender como realizá-la consulte a publicação “Passo a Passo para a Conferência de Meio Ambiente na Escola”.

Conferências nas Escolas (etapa obrigatória) – devem ser realizadas até 31 de março de 2018. Ficará a critério de cada escola a duração e a programação, desde que obedecidos os princípios e critérios estabelecidos no Passo a Passo para a Conferência de Meio Ambiente na Escola. O cadastramento dos resultados da Conferência na Escola no site da Conferência deve ser realizado até dia 03 de abril de 2018.

Importante!! Os cadastramentos incompletos ou fora do prazo não serão considerados.

Como subsídios para esta ação, indicamos os seguintes materiais de apoio (acesso aos links verificados em 23/01/18):

Videoconferência “V CNIJMA” (10/102017) produzida pela SEE-SP e COE-SP: na videoteca da Rede do Saber (www.rededosaber.sp.gov.br) e no link: https://goo.gl/rqzVYK

Apresentação elaborada pelos Ministérios da Educação e do Meio Ambiente:http://conferenciainfanto.mec.gov.br/images/material_grafico/apresentacao-V-CNIJMA-resumida-04-dezembro-2017.pdf

Portaria Interministerial nº 9, de 19/12/2017:http://conferenciainfanto.mec.gov.br/images/pdf/mec-portaria-interministerial-09-19122017.pdf

Vídeo Passo a Passo para participação na V CNIJMA:http://conferenciainfanto.mec.gov.br/video-passo-a-passo-para-participacao-na-v-conferencia

Passo a Passo para a Conferência Infantojuvenil de Meio Ambiente na Escola:http://conferenciainfanto.mec.gov.br/images/pdf/passo_passo_vcnijma_11112017.pdf

Escola conversa com ex alunos para integrar 5º. e 6º.s Anos.

 

No ano letivo de 2017, as turmas dos 5ºs anos A, B e C do período da manhã da Escola Maria Prestes Maia, com apoio da equipe gestora, optou por realizar um rodízio com os professores João Carlos, Simone Aparecida Dias e Walkiria Rigolon, com o intuito de organizar um trabalho mais integrado com a possibilidade de aprofundar as intervenções pedagógicas, sobretudo no tocante ao ensino de Língua Portuguesa e Matemática. O resultado foi exitoso, apesar de estas salas terem enfrentado alta rotatividade de professores com estes alunos nos anos anteriores, e por isso, muitos alunos chegaram ao 5º ano apresentando resultados abaixo do básico. Neste sentido, o rodízio contribuiu muito e houve um avanço extremamente significativo nos 5ºs anos.

                Ao final do ano letivo, diante da ansiedade dos alunos por conta da mudança de escola para o 6º ano, os professores tiveram a ideia de convidar ex-alunos para virem conversar com os alunos do 5º ano, pois acreditavam que a promoção de um diálogo dos alunos com ex-alunos que passaram pela mesma situação, seria muito mais proveitoso e faria muito mais sentido do que quaisquer conselhos que os próprios professores pudessem ofertar para as turmas. Então, duas ex-alunas vieram compartilhar suas experiências ao mudarem de escola no 6º ano. Ambas deram dicas, sugestões e sanaram várias dúvidas das turmas.  Foi um dia muito proveitoso, esta roda de conversa surtiu um efeito melhor do que o esperado, ajudou a amenizar a ansiedade e insegurança dos alunos com a mudança de ciclo, por meio de um processo dialógico entre os próprios alunos.  Agradecemos às nossas ex-alunas Rafaele que concluiu a 4ª série em 2001 e Ana que concluiu o 5º ano em 2016, ambas souberam dar o tom para esta conversa de forma clara e objetiva, sem nenhum preparo prévio, para que pudessem ficar bem à vontade.

 

Professores dos 5º anos Simone, Walkiria e João Carlos

Ex aluna Ana Beatriz frequentou do 1º ao 5º ano. Terminou em 2016.

Ex aluna Rafaele frequentou a escola da 1ª até a 4ª série, terminou em 2001.

Alunos dos 5º anos assistindo e participando da discussão.

Alunos dos 5º anos assistindo e participando da discussão.

Visita do Secretário da Educação

 

Dr José Renato Nalini, Secretário da Educação visita em 09/02 a região leste para assinatura de protocolo de liberação de recursos para manutenção das unidades escolares das DRE 1, 2, 3, 4 e 5

Educação entregará 56 novas escolas de Tempo Integral em 2018

A Educação entregará 56 novas escolas de Tempo Integral em 2018.  Agora, todas as regiões paulistas contam com ao menos uma unidade de ensino; em todo Estado serão 593 unidades.

As novas escolas Programa Ensino Integral (PEI) da Diretoria de Ensino Leste 5 são:

EE. Clemente Quáglio
EE Isai Leirner
EE José Marques da Cruz
EE Pedro Arbues

Leia abaixo a notícia na integra;

 

Escola Joaquim Gouveia estabelece parceria com a Defesa Civil Municipal

No quarto bimestre de 2017, a Escola Estadual Dep. Joaquim Gouveia Franco Jr. estabeleceu uma importante parceria com a Defesa Civil municipal. Estão envolvidas nessa ação Natália Leite de Morais e Maria Aparecida Ramos Sales da Coordenação de Ações Preventivas e Recuperativas (CAPR) da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil (COMDEC) da Cidade de São Paulo a Diretora Andréia Ferreira Martins e a Vice-Diretora Cristiane F. Fernandez Teixeira e as PCNP Cláudia Brás da Silva e Xenia A. Sabino. Como convidados tivemos a presença na reunião do dia 01 de Novembro, a Diretora Técnica I do Núcleo de Obras e Manutenção Escolar (NOM) Danielle Zaparoli e na reunião do dia 05 de dezembro com a presença do representante da CGEB um dos responsáveis pela Educação em Prevenção de Riscos e Desastres da Secretaria Estadual da Educação, Sérgio Luiz Damiati que aproveitou a oportunidade para entregar o Certificado e os kits da Campanha #AprenderParaPrevenir 2016 para a escola.

A ação completa será realizada em duas etapas. Esse ano foi a primeira parte do projeto, que contou com a formação de uma comissão da escola com alunos, funcionários e grupo gestor que identificaram e refletiram conjuntamente, sobre os problemas ambientais locais e suas consequências para todos os que frequentam a Unidade Escolar e aqueles que residem na comunidade ao redor.

Para o ano de 2018 serão pensadas ações de intervenção na escola e entorno como medidas preventivas de alagamento e outros desafios levantadas pelo grupo.

1º Dia – Abordagem inicial (01 de Novembro de 2017).

 

 

2º Dia – Saída de Campo: Mapeando as dificuldades Locais (05 de dezembro de 2017).

MMR – Disseminando Boas Práticas/2017

Registrando e Identificando Boas Práticas é um passo da última etapa do MMR que deve ocorrer sempre que uma ação ou iniciativa gere resultados positivos a fim de serem compartilhadas.

Registrar boas práticas é importante para perpetuá-las no tempo e garantir a sustentabilidade dos resultados.

Ao analisar os resultados e identificar que as metas foram alcançadas, é um indício de que as ações planejadas foram executadas e deram resultado. Assim, é importante fazer uma reflexão para que o bom resultado permaneça.

É importante que as boas práticas sejam registradas e compartilhadas dentro e fora da escola. O compartilhamento de boas práticas permite a troca de experiências e ideias, ajuda a enriquecer os Planos de Melhoria e aumenta a motivação na busca dos resultados. O compartilhamento pode ocorrer de diversas formas, neste sentido utilizamos o site da Diretoria de Ensino para o compartilhamento de boas práticas entre nossas escolas.

 

 

 

EE Prof. Santos Amaro da CRUZ – Eixo Cultura

Apresentação do Projeto Boca de Cordel no dia 11/11/2017 no Programa Escola da Família da E.E. Professor Santos Amaro da Cruz

https://youtu.be/k54xu1VxlNA